O governador em exercício, Rodrigo Collaço - que é presidente do Tribunal de Justiça do Estado, vetou o projeto de lei aprovado na Assembleia Legislativa que criaria o Dia Estadual da Igreja Evangélica Assembleia de Deus.

A proposta foi apresentada pelo deputado Ismael dos Santos (PSD), e estabeleceria a data comemorativa em 15 de março. Collaço justificou o veto pelo princípio de “laicidade do Estado”, previsto na Constituição Federal para vetar a matéria.

Temas como esse têm gerado discussões em todo país. Em Jaraguá do Sul foram aprovados projetos como o que cria o Dia da Bíblia e o Dia do Evangelho.