Por 10 votos favoráveis e com a proximidade da eleição falando mais alto, os vereadores aceitaram representação protocolada por Dinalberto Moreira e abriram ontem uma comissão processante que irá decidir pela cassação ou não do mandato do presidente da Casa, José de Ávila. O resultado mostra que ainda há um pouco de bom senso pelos lados da Getúlio Vargas, pena é que os parlamentares tenham demorado tanto para agir e só tenham tomado esta providência porque um assessor parlamentar teve a coragem de fazer o que eles não tiveram. Até o início da sessão de ontem, Moreira foi pressionado a retirar a representação com a promessa de ser recontratado para o cargo do qual foi demitido ilegalmente por Ávila. Apenas Natália Petry (PMDB), Eugênio Juraszek (PP), Hideraldo Colle (PMDB) e Amarildo Sarti (PSDB) apoiaram a iniciativa. Agora resta saber como se comportarão os parlamentares que fazem parte da comissão, se não irão tentar manobrar para deixar a decisão para o fim do ano quando acaba o mandato de Ávila, que sem os direitos políticos já não pode se candidatar na eleição este ano. A representação assinada por Moreira é bem embasada e traz diversas jurisprudências que mostram que o presidente condenado em processo transitado em julgado por venda ilegal de medicamento, o que é enquadrado como tráfico de drogas, não tem mais condições legais e morais de comandar o Legislativo. Questionado sobre o resultado da votação, Ávila negou estar surpreso e se limitou a dizer que tem advogado para estudar o caso. linha flecha Ortiz não aceita convite do Cejas O Centro Empresarial divulgou ontem que Luiz Ortiz (PT) não participará da sabatina com os concorrentes à Prefeitura de Jaraguá do Sul, que será promovida na segunda-feira, 19. Segundo o Cejas, o candidato comunicou que o PT declinou, por orientação do departamento jurídico, da assinatura ao documento apresentado a todos os candidatos com sugestões das entidades empresariais – Acijs, Apevi, CDL e Sindicatos Patronais. linha flecha
Foto: Eduardo Montecino/OCP Online
Foto: Eduardo Montecino/OCP Online
Na sabatina Luiz Ortiz foi o último candidato à Prefeitura de Jaraguá do Sul a ser sabatinado pela redação do OCP. Disse que apesar de ser um ano difícil para o PT está sendo bem recebido nos bairros. Um dos focos dele é tornar o município um pólo turístico.  Ele cita como exemplos o turismo religioso, o germânico, o rural e o de aventura. linha flecha Urnas eletrônicas  configuradas As cerca de 500 urnas eletrônicas que serão utilizadas nas eleições das zonas eleitorais de Jaraguá do Sul e Corupá serão configuradas neste sábado (17) e domingo (18). O procedimento também passa pela preparação e lacração dos equipamentos. Após esta etapa, mais duas auditorias de verificação serão feitas, por profissionais do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC), nos dias 24 e 25 de setembro. linha flecha
Foto: Eduardo Montecino/OCP Online
Foto: Eduardo Montecino/OCP Online
Via Verde adiantada A construção da primeira etapa da Via Verde está perto de ser concluída. A empresa licitada, Infrasul, já finalizou a pavimentação granular e agora aguarda a desapropriação da área localizada atrás da Estação de Tratamento de Esgoto do Samae, na rua Hedwig Bruns, no bairro Ilha da Figueira. De acordo com o engenheiro responsável pela obra, Henrique Chaves, as próximas fases consistem na colocação de asfalto, calçada e meio fio, e poderão começar somente após a desapropriação do local, o que deve acontecer nos próximos dias. linha flecha
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Cena de campanha Por onde anda, Antídio Lunelli tem levado suas propostas para apresentar ao eleitor. Seu projeto está focado em austeridade e geração de empregos. A cena acima foi flagrada no Salão da Igreja Matriz São Sebastião.