Você tem uma tesoura aí por perto? Sim, uma tesoura. É para recortar esta nossa conversa de hoje e colar na porta da geladeira. A conversa, na verdade, era para ser com os jovens, com os filhos, mas eles não leem jornal, não leem nada, logo... Recorte e cole na porta da geladeira, talvez assim eles passem os olhos. E acho bom que o façam.

É o seguinte, todos nós crescemos ouvindo que é preciso Honrar Pai e Mãe, mandamento do Senhor. E não sem razão, desde Adão e Eva que filhos descuidam dos pais, “esquecem” os pais, exploram os pais, tiram o que podem dos pais e... depois caem fora. Maioria.

Acaba de sair uma pesquisa feita pela Unicesumar, universidade de ensino a distância, e Ibope sobre jovens e pais. A manchete da pesquisa diz que: - “Jovens ignoram o sonho dos seus pais”. Ignorar significa não saber ou saber e não dar a mínima... No caso dos jovens pesquisados, por certo, se trata do segundo caso. Eles sabem, sim, dos sonhos dos pais, mas dão de ombros, ignoram no sentido de não se preocupar com isso.

E quais são os sonhos mais comuns dos pais? Ter a casa própria, ou conseguir pagá-la, ter uma renda mensal “decente”, que não os leve a sofrimentos maiores na velhice, e ter uma qualidade de vida sem grandes sobressaltos. Desejos simples, de coisas indispensáveis para uma vida razoável, mas os filhos ignoram esses desejos. Ignoram? Que falta de “ferro” nesses filhos safados.

Cresceram vendo e ouvindo pai e mãe, sabem das dificuldades por que passaram, conhecem os pais como a palma de suas mãos e... depois dizem que não sabem de nada, ignoram os sonhos dos pais? E o 4º mandamento? E o Honrar Pai e Mãe, o mandamento que conscientiza filhos e filhas a respeitar e proteger os pais, especialmente quando esses pais estão mais velhos? Não sabem do mandamento? E quais são os sonhos dos filhos? Segundo a pesquisa, maioria deles sonha com um emprego, um apartamento próprio e morar fora. O que é morar fora? Ir para o exterior? Ir para longe para soltar a franga e ficar impedido/a de ajudar os pais? Que gentalha. E são jovens e se dizem modernos. Quem descuida dos pais, ah, vai pagar caro por isso, vai conhecer o esgoto da vida...

Neuróticos

Quem são os neuróticos? Os que vão para a cama com celular ao lado. Os neuróticos, antes de fechar os olhos para dormir, consultam “mais uma vez” o objeto de suas neuroses, isso quando dormem. Em São Paulo agora existe o Hotel do Sono, para tratar dos que têm dificuldades para dormir. E sabes da maior? O maior problema dos terapeutas do hotel é fazer os clientes desligar o celular... Coitados, são modernos...

Aposentados

Aposentado significa o que vive nos aposentos. Que horror! Uma palestrante, num Fórum de Longevidade, em São Paulo, disse que – “A aposentadoria chega como um rompimento na vida das pessoas. No começo, é legal; você diz, “vou fazer coisas que não fazia antes”. Mas, depois, cria-se um vácuo muito grande e aí começa a depressão”. Aplausos. É isso mesmo, mas... os atirados da vida acham que não trabalhar é um grande negócio. Dignos de pena.

Falta dizer

Muitos pensam que trabalhar depois da aposentadoria é voltar a um trabalho de carteira assinada, até pode ser, mas não é necessariamente isso. É não ficar parado, é fazer alguma coisa regularmente, mesmo sem remuneração. Esse trabalho dá ânimo, significado à vida. Pessoas saudáveis no ócio morrem mais cedo.