Não parar nunca. Não parar nunca de sonhar. A verdadeira morte das pessoas só vem quando elas param de sonhar. Muitos, por apatias de toda sorte, defendem-se dizendo que não têm mais idade para sonhar, que já estão velhos, que já estudaram, trabalharam, juntaram dinheiro, filhos crescido, netos, tudo, por que então sonhar?

Com o que sonhar? – é o que perguntam. Sonhos são o nosso mercado livre, eles podem ter de tudo um pouco, podem mesmo ser uma aparente loucura... Para os outros. Eu já ia dizer que loucura é não sonhar, esquecendo que os “loucos” são os que mais sonham.

E sonham melhor que nós, eles sonham e se realizam nos sonhos, haja vista o sonho dos Napoleões de pátio de hospício. Eles “são” o Napoleão conquistador, guerreiro, são porque vivem o sonho. A cabeça está boa, funcionando?

Então, pista livre. Tenhamos a idade que tivermos, ainda é tempo de um novo casamento, de uma viagem, de começar um novo estudo, de fazer novos amigos e, por que não, um novo trabalho. Tudo é possível ao que crê em seus sonhos. Dar-se por realizado na vida, sentir-se velha, é desgraça sem par.

Sonhos nos rejuvenescem. Que triste viver sem sonhos. A felicidade das crianças está exatamente nos sonhos. Quando elas brincam elas são o que são no brinquedo, já os adultos duvidam, temem, não vivem os sonhos quando eles estão até mesmo sendo realizados naquele momento.

Essa tornozeleira eletrônica em nossa cabeça nos tira a liberdade de viver. Se a leitora estiver agora com um sonho “maluco” na cabeça, pare e pense: esse sonho fere alguém, machuca os costumes da decência, da boa educação? Não? Então por que não levá-lo adiante?

Que a desculpa não seja pela idade, só morremos quando não sonhamos mais. Mas os sonhos não morrem por eles mesmos, morrem por nossas decisões obscuras, medrosas... É um deixa pra lá mórbido contra nossa felicidade. Tens um sonho? Estás em condições de lutar por ele?

Então é levantar da cadeira dos medos e mandar ver... – Ah, mas o que outros vão dizer? Digam o que quiserem, se você se fizer feliz com o seu sonho, nada mais importa. Só os pesadelos são desastrosos, os sonhos jamais...

ELAS

Gostaria de ouvir as mulheres hoje... Revirando meus arquivos, dei de cara com uma informação de 2003 sobre mulheres, sexo e segurança; informação da Organização Mundial da Saúde. Naqueles tempos “remotos”, 85% das mulheres disseram que não conseguem convencer seus parceiros a usar camisinhas. Já um número quase igual de homens disse que elas não dão um pio com relação à camisinha antes de sexo. Bah, então não mudou nada. E quem é que se ferra? Bolas...

TEMPO

Vida é tempo e tempo tem que ser bem aproveitado. A pesquisa mais recente do Panorama Mobile Time e da Opinion Box diz que as crianças brasileiras dos zero aos 10 anos passam 3h53m diariamente com o celular na palma da mão. E crianças dos 10 aos 12 anos, 4 horas e 46 minutos. E estudam? Claro que não, os vadios são liberados pelos pais, que depois criticam as escolas e os professores pelo fracasso de seus “lindinhos”. Brasileirada...

FALTA DIZER

Fui tomar café com duas amigas num shopping de Florianópolis. Enquanto esperávamos pelo café, uma das amigas ouviu um velho observar a outro velho que eu estava fora da casinha, ainda usando máscara. Sim, continuo usando máscaras, só os “decapitados” acham que tudo já passou ou que vacinas são inúteis ou bastam. Toscos.