A moça saiu de casa doente e horas mais tarde voltou para casa curada... Ué, onde isso, como isso? Ela saiu de casa com uma antiga paralisia no braço esquerdo e um certo incômodo no lado esquerdo da bacia, no rim, como ela dizia. E tudo já durava bom tempo, malgrado ter ido a vários médicos. Nada achavam, mas a moça vivia “torta” e sentindo dores...

Essa moça, que vou chamar de Maria, um dia vendo um programa religioso na tevê coçou o queixo e decidiu: - “Vou lá, quero ver isso de perto”. Saiu de casa doente, “torta”, e voltou para casa curada, as pregações do pastor lá na frente chegaram com tudo aos ouvidos e ao coração da Maria. E ela voltou para casa curada. Tratei desse assunto num encontro com amigos e quase “apanhei” de dois deles. – Ora já se viu, um “psicólogo” como tu acreditar numa encenação dessas!... Foi o que ouvi.

Relaxa, meu amigo, espere um pouco! Antes de tudo, os que me ouvem - e leem - regularmente aqui neste espaço já devem estar cansados de tanto me ouvir dizer que adotei como minha a passagem bíblica do Evangelho de Marcos 9:23, aquela que diz que – “Se tu podes crer, tudo é possível ao que crê”! Creio nisso como creio no sol do meio-dia.

Quando abrimos as portas do coração à fé, tudo nos será possível. E ninguém é louco para acreditar que vai se mudar para Marte no ano que vem... quando cremos em alguma coisa é porque no fundo sabemos que é possível.

Uma pessoa na igreja, tomada pela adrenalina da fé, pode sim voltar para casa curada de incontáveis tipos de moléstias. A vida é fé. E os milagres da fé, mais das vezes, ocorrem em patologias que nós mesmos criamos, criamos inconscientemente na mente e de vários outros modos indiretamente “suicidas” ... Não acreditar nisso ou é ignorância ou então é... ignorância.

Quando inundamos a mente com a fé, estamos prontos para todos os milagres. O pastor lá na frente não fez nada senão nos incitar a crer, mas é a tal história, o cigarro não existiria se não existisse o fósforo que o “acende”. Sim, ir à igreja com fé pode ser o caminho inicial e mais inteligente para a cura de qualquer enfermidade...

Desgraça

A pior das desgraças humanas é alguém dizer que não acredita em nada, dizer-se sem fé diante do que não pode ser visto ou tocado... Crer só nos planos materiais não passa de atraso humano da pior espécie, é uma cegueira metafísica que leva a todos os danos. Dinheiro nos dá as graças do poder material, mas e quando a inquietação está acima do dinheiro? E tão danoso quanto não ter fé é ter fé só dos lábios para fora. Como é o caso da maioria estonteante que anda por aí. E por isso são tão raros os “milagres”. Jamais haverá milagres sem fé.

Falta dizer

Queres viver bem e saudavelmente? Passe a vida planejando sua aposentadoria, preparando-a para o melhor, juntando e investindo dinheiro, mas... Nunca se aposente. Se o fizeres, acabou...