Quem vive da beleza? Mais das vezes, as mulheres. O homem pode ser o bucho que for e vai andar por aí se achando. E, o pior, muitas irão achá-lo o tal... Pode ter chulé, caspa, bafo, barriga, só andar de bermudas, chinelo de dedo e por aí. Mesmo assim, haverá procissões atrás dele.

Já a mulher... Mas, por que a mulher tem que ser sempre bonita, manter-se bonita? Porque os “impotentes” exigem isso, e elas cedem, vão atrás deles tornando-se objetos.

– “Ah, mas não é assim, estás ofendendo as mulheres”! Negativo, companheira, vista a carapuça as que se acharem no direito dessa carapuça... Sim? Acho bom.

Venho a este assunto enjoado em razão de ter acabado de ler sobre a mutilação de uma jovem mulher, 36 anos, e que até a hora da mutilação – ela perdeu um braço num acidente de moto – era miss, uma miss especial...

Vivia de certo tipo de beleza, gata mesmo. Mas perdeu um braço, ficou mutilada. E agora? Pois era aqui que eu queria chegar. Não raramente a vida nos empurra da escada – da escada dela mesma, a vida – para que acordemos.

No caso dessa jovem mulher, não lhe será mais possível ser miss. Mas ela poderá ser miss “realização”, que é irmã da miss “superação” e com isso encontrar um grande destino. O destino que bem provavelmente não seria encontrado por ela não fosse o acidente.

Conheço, tenho em meus arquivos, dezenas de formidáveis exemplos de pessoas que foram mutiladas pesadamente em acidentes e que deram uma admirável volta olímpica sobre si mesmas. E hoje, paradoxalmente, dizem que o acidente foi uma benção.

Claro, imagino que uma benção em sentido figurado, mas foi uma benção, a pessoa se encontrou. É isso, leitora, seja qual for a nossa perda, haverá sempre nos horizontes da vida uma saída.

É não desanimar, respirar fundo, entender a mensagem e partir para outra... Num primeiro momento da queda pensamos, muitas vezes, que chegamos ao fim, que daqui para frente a vida será um pano encardido.

Pode ser, para os fracos. Mas pode ser também o primeiro degrau de uma escada de esplendores, de realizações.

Tudo vai depender dos ânimos da pessoa e da fé que ela tem em si mesma, aliás, uma fé que poucos acreditam ter, até que tropecem na escada...

Sucesso

Bill Gates e Warren Buffett são bilionários americanos, têm em torno de 98 e 87 bilhões de dólares no banco, cada um. Dá para dormir tranquilos.

O que pouca gente sabe é que esses caras leem em média de 5 a 6 horas por dia. Acreditas? Enquanto isso, os minguados por aqui não leem nem bula de remédio, mas fazem lives.

Ah, e esta manchete, brasileira: “Crianças estão lendo cada vez menos”. Óbvio, puxam aos pais, os nadas que lhes estão por perto.

Sujeiras

A imprensa faz um fuzuê danado todos os dias alertando contra o que pode derrubar as pessoas diante do vírus. Adianta quase nada.

Os bufês nos restaurantes, por exemplo, estão de volta, todo mundo fungando, tossindo, jogando imundícias invisíveis da boca sobre a comida de todos. E parece que todos gostam. Sujos!

Falta dizer

Aqui vale tudo... Nos Estados Unidos, não. A questão das máscaras. Já tem gente usando máscaras com tromba de elefante, bocas de gatinhos, publicidades, de tudo um pouco.

E muitas empresas americanas estão mandando seus “colaboradores” trocar as máscaras. Aliás, lugar de abobados da enchente é em casa, não no trabalho.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul