O prefeito de Guaramirim Luís Antônio Chiodini (PP), o Professor Chiodini, voou às pressas para Brasília na segunda-feira (12) acompanhado do vereador Ezequiel de Souza (DEM) para participar de encontro com o Ministro da Infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas.

A reunião foi intermediada pelo deputado federal Fábio Schiochet (PSL) para tratar sobre a duplicação da BR-280. Na pauta, solucionar o problema do impasse da desapropriação no km 54, que envolve Dnit e Deinfra, para a construção de elevado, bem como o aumento de verbas para o lote 2.2, contorno rodoviário de Jaraguá do Sul, e seu empenho para que o lote 2.1, interseção com da BR-101 até Guaramirim, principal parte do projeto seja inaugurado no primeiro semestre do ano que vem.

O ministro Tarcísio aceitou o convite e deverá ainda neste segundo semestre vistoriar a obra na companhia do deputado Fábio Schiochet e do prefeito Luís Chiodini.

O prefeito considerou o encontro como um momento histórico para Guaramirim, pois segundo ele, é a voz dos guaramirenses e de toda região Norte de SC, sendo ouvida pelo principal ministro do governo Bolsonaro.

Segundo Luís Chiodini, independente da sigla partidária o importante é o bem comum de todos que utilizam a BR-280.

Da esquerda para direita: deputado Fabio Schiochet, o ministro Tarcísio de Freitas e o prefeito de Guaramirim Luís Chiodini | Foto: Divulgação 

 

Projeto que institui políticas públicas para pessoas com autismo é aprovado

O projeto de lei que institui uma Política Pública Municipal para garantia, proteção e ampliação dos direitos das pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e seus familiares foi aprovado por unanimidade pela Câmara de Jaraguá, na sessão de ontem. A proposta segue agora para a sanção do prefeito. De autoria de Sirley Schappo (Novo), Nina Santin Camello (PP) e Jonathan Reinke (Podemos) – os três vereadores que compõem a Comissão de Educação, Cultura, Esporte, Saúde e Assistência Social – o projeto tem como objetivo principal reafirmar políticas públicas federais no âmbito municipal. A proposta também busca incentivar a inclusão da pessoa com TEA nas aulas da rede de ensino, com a matrícula em classes regulares e acompanhamento especializado ao estudante.

 

Rejeitado

O projeto de lei que permitiria publicidade sonora e panfletárias em vias públicas de Jaraguá foi rejeitado na Câmara ontem. A proposta, de autoria do vereador Jeferson Cardoso (PSL), recebeu cinco votos contrários e quatro favoráveis. O vereador Luís Fernando Almeida (MDB), um dos que votou contra o projeto, relatou que buscou ouvir a opinião da comunidade antes de decidir o seu voto e que a grande maioria das pessoas se manifestaram contrárias à proposta. Segundo ele, permitir a panfletagem e o carro de som traria muita poluição de papel e poluição sonora às ruas de Jaraguá do Sul.