A Coluna Plenário encerra neste domingo (8) a série de entrevistas com os candidatos a prefeito de Schroeder.

Seguindo a ordem alfabética chegou a vez do candidato Moacir Zamboni (PDT). A série iniciou com o candidato Adriano Kath (PSDB), seguido de Felipe Voigt (MDB), Harildo Konell (PL) e Ildefons Berchtold (PRTB) e Jair Bridaroli (PSD).

O último entrevistado é Moacir Zamboni que é comerciante e concorre em chapa pura do PDT tendo como vice o empresário Vagner Battisti.

Confira a entrevista:

Plenário – Você vem com uma candidatura de chapa pura, por que seu partido optou por não se coligar?

Esta é uma eleição diferente, é a primeira sem coligação na proporcional e a gente trabalhou junto com o partido para buscar uma candidatura e conseguir também garantir uma cadeira na Câmara.

Participamos em duas eleições, mas nunca lançamos candidato a prefeito e vereador, este é um fato inédito para o PDT de Schroeder e agora saímos com nove candidatos ao Legislativo. Meu nome foi escolhido pelo partido pela experiência que tenho na vida política, sou atuante desde os 18 anos. E no caso dos vereadores apresentamos novos nomes porque queremos uma renovação na Câmara.

Plenário – Sua atuação como ex-vereador e ex-vice-prefeito o ajuda em que nesta campanha que conta com seis candidatos na disputa pela Prefeitura?

Eu já fui o vereador mais votado do município e exerci meu mandato de 2008 a 2012, depois de 2013 a 2016 fui vice no primeiro mandato do prefeito Osvaldo Jurk e em 2016 fui candidato a vereador, mas não me elegi. Já meu vice tem sua primeira participação na política.

Este ano temos uma eleição com mudanças e ainda com a questão da pandemia, além disso, as pessoas estão decepcionadas com a política, então temos um desafio a mais para defender nossas propostas. No meio destas seis candidaturas que surpreenderam a região pelo número, cada um tem sua característica e isso é importante para a democracia, além do eleitor ter mais opções de escolha.

Plenário – Quais são os destaques do seu plano de governo?

Schroeder é um dos municípios catarinenses que tem maior crescimento populacional e é preciso pensar na infraestrutura da cidade. Nosso plano de governo foca na mobilidade urbana, principalmente nas vias de entrada e saída da cidade.

Queremos abrir a rua Alberto Zanella e outras vias para ligar com a Rodovia do Arroz e a BR-280, esta passagem vai ajudar no escoamento da produção do município. Também queremos fazer uma parceria com Guaramirim e o governo do Estado para o término da pavimentação da rua Rio de Janeiro. Temos ainda como prioridade a abertura da Avenida dos Imigrantes via muito importante para melhorar o fluxo do trânsito local.

Vamos manter um canal direto com a Associação Empresarial da cidade que é uma fomentadora de diversos setores da economia local. Pretendemos fazer um mapeamento sócio-econômico e setorial para instalarmos programas para os setores da indústria, comércio e da construção civil.

Na questão do abastecimento de água, queremos construir um reservatório no bairro Schroeder 1 para suprir o consumo nos fins de semanas, e além disso, aumentar a rede de abastecimento no Centro e com mais um reservatório e a nova canalização. Hoje Schroeder conta com mais de mil novos lotes em andamento na cidade e é preciso pensar no abastecimento para um futuro próximo.

Vamos melhorar o lazer para nossas famílias, principalmente nos bairros. Queremos fazer uma grande praça ao lado do ginásio de bairro Schroeder 1 com parque, bancos e estrutura para toda a família. Também reformar os ginásios de esportes e viabilizar a construção de espaços esportivos e academias ao ar livre nos bairros.

Na saúde, queremos contratar mais especialistas como pediatras, ginecologistas e cardiologistas e ampliar o número de exames. Trabalhar também na saúde preventiva com a ampliação das equipes do Programa Saúde da Familia (PSF) e a abertura do posto de saúde na Vila Itapouva-açu e ampliação do atendimento no bairro Schroeder 1. Também vamos cobrar do governo federal e estadual recursos e equipamentos para a área da saúde no município.

Na educação, pretendemos oferecer mais cursos de capacitação para os professores e melhorar a estrutura das escolas. Ampliar a distribuição gratuita de material didático e de uniforme escolar e fortalecer a parceria com as APPs, além de fomentarmos os projetos extracurriculares.

Plenário – O que você prioriza na formação da equipe de governo, caso seja eleito?

Todo nosso secretariado será composto de gente com conhecimento técnico para atuar nas pastas, pode estar ligado à política, mas precisa de preparo. Também vamos reestruturar a administração com a diminuição de cargos comissionados e relocar órgãos em aluguel do setor público para economizar.

 

Telegram Jaraguá do Sul