Na ação foram apreendidos maconha, cocaína e ecstasy, além de balanças de precisão, dinheiro e celulares | Foto DIC/Divulgação
Na ação foram apreendidos maconha, cocaína e ecstasy, além de balanças de precisão, dinheiro e celulares | Foto DIC/Divulgação

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Palhoça (DIC) realizou nesta quarta-feira (15) a operação “Albatroz”, que terminou com a prisão de seis suspeitos e o cumprimento de 20 mandados de busca e apreensão em residências nos bairros Jardim Aquarius, Ponte de Baixo e Ponte do Imaruim.

A operação teve como objetivo o combate aos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores. Os cinco alvos dos mandados de prisão temporária são apontados como responsáveis pela logística e controle do tráfico na região.

Os cinco alvos dos mandados de prisão temporária são apontados como responsáveis pela logística e controle do tráfico na região | Foto DIC/Divulgação

Rotineiramente, adolescentes são surpreendidos na venda direta do entorpecente. O recrutamento de adolescentes para a venda da droga tem por objetivo a impunidade daqueles que promovem esses crimes. As investigações também indicam a conexão com outros delitos como roubos, furtos, receptação e homicídios.

Durante as buscas foram apreendidos diversos apetrechos usados no tráfico de drogas, maconha, cocaína e ecstasy, além de balanças de precisão, dinheiro e celulares.

As investigações também indicam a conexão com outros delitos como roubos, furtos, receptação e homicídios | Foto DIC/Divulgação

Foram cumpridos cinco mandados de prisão e ainda mais um investigado foi preso em flagrante por tráfico de cocaína.

Participaram da ação policial as Delegacias de Polícia pertencentes à DPGF (Diretoria da Grande Florianópolis) bem como as Delegacias de Palhoça, Delegacia da Comarca, DPCAMI e Delegacia de Santo Amaro da Imperatriz.

Quer receber as notícias no WhatsApp?