Inicia nesta quarta (1º) a Quarta-feira de Cinzas, o período mais importante para os cristãos. A Quaresma antecede a celebração da ressurreição de Jesus Cristo, que acontece na Páscoa, e é marcada pela reflexão e conversão espiritual dos devotos. O dia também servirá para lançar a Campanha da Fraternidade 2017, com o tema “Fraternidade: biomas e defesa da vida”. Responsável pela limpeza da Igreja Matriz São Sebastião há 20 anos, Inês Maria Menon arrumava na manhã da última terça-feira (28) os últimos detalhes para a celebração. “É um grande momento para nós cristãos e faço questão de participar. Nesta quarta (1º) estarei na missa”, afirma Inês. Para a Quarta-feira de Cinzas, ela comenta que a igreja não é enfeitada com flores ou arranjos, com o objetivo de reverter ao ambiente de deserto em que Jesus viveu. Vani Panstein também dedica a vida à religiosidade e aguarda pelo período de quaresma. “Os dias servem de preparação para o momento mais importante da minha vida como católica”, observa.
2017-02-28 - Preparação para Quaresma - Piero Ragazzi-11
Vani Panstein dedica a vida à religiosidade e aguarda o período que considera o mais importante para os católicos
Na Igreja Matriz, uma programação especial de missas começou às 7h. Ainda há celebrações agendadas para as 15h30 e 19h. Outras comunidades da paróquia também terão missas às 19h, como a São Luís Gonzaga, Rainha da Paz e Nossa Senhora do Rosário. Conforme o padre André Borges da Silva, mais de três mil pessoas devem comparecer nas missas. “O cristão se fundamenta no ensinamento de Cristo, filho de Deus que viu o caminho da prosperidade, realização e salvamento. Morreu e ressuscitou, vencendo o pecado e a morte. É a hora de vivermos com maior intensidade nossa fé”, explica o padre. Campanha da Fraternidade enfatiza cuidados com o bioma brasileiro A Campanha da Fraternidade, de acordo com o padre, vai auxiliar na sensibilização da sociedade sobre o tema abordado. “O assunto tem como foco a defesa da vida, com o lema de cultivar e guardar a criação. O homem deve estar em comunhão com os demais seres, principalmente nesse momento, quando ocorrem desmatamento e poluição do meio ambiente”, ressalta o padre André. No Domingo de Ramos, a campanha promove a Coleta da Solidariedade. Todo o dinheiro arrecadado nas missas desse dia é dividido entre o Fundo Diocesano de Solidariedade (FDS) e o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS). 2017-02-28 - Preparação para Quaresma - Padre André Borges - Piero Ragazzi-4 O primeiro fica com 60% dos recursos, que são destinados a todos os projetos sociais da própria comunidade diocesana, já os outros 40%, o FNS reverte no fortalecimento da solidariedade entre as diversas regiões do país.