O vereador Roberto Katumi (PSD) foi eleito presidente da Câmara Municipal de Florianópolis para o biênio 2019/2020, em eleição ocorrida na manhã desta segunda-feira (12) no plenário do Legislativo da Capital.

"Quero usar a presidência para respeitar esta Casa e elevar a auto-estima do Legislativo", disse Katumi em seu discursos antes da votação.

Tiago Silva (E) foi o candidato da chapa 2 | Foto Édio Hélio Ramos/CMF/Divulgação

Katumi recebeu 15 dos 23 votos disponíveis, contra sete do vereador Tiago Silva (MDB). O vereador Rafael Daux (MDB) se absteve da votação. Katumi, 1º vice-presidente na atual Legislatura, ocupa a presidência interinamente desde o pedido do licença de Guilherme Pereira (MDB), que se lançou candidato à deputado federal, perdeu nas urnas e solicitou afastamento até o final do ano.

"Sei que os ventos não são favoráveis a minha candidatura, mas estou aqui mesmo para perder", destacou Tiago Silva.

Fábio Braga (PTB) será o 1º vice-presidente | Foto Édio Hélio Ramos/CMF/Divulgação

Roberto Katumi assume em definitivo no dia 1º de janeiro de 2019 e terá como integrantes da futura Mesa Diretora os seguintes membros: Fábio Braga (PTB), como 1º vice; Marcelo da Intendência (PP), como 2º vice; Dinho (MDB), como 1º secretário; e Gabrielzinho (PSB), como 2º secretário. Todos estes cargos foram eleitos também em votação separada, tendo ao final o mesmo placar: 15 a 7, com a mesma abstenção de Rafael Daux.

"Fico feliz logo no primeiro mandato ocupar um cargo da Mesa, só espero não ter que sentar tanto na cadeira de presidente quanto o senhor sentou nestes últimos dois anos, vereador Katumi", disparou Fábio Braga, fazendo referência às constantes ausências do presidente Guilherme Pereira.

Chapa 2 foi articulada no começo da sessão com a participação de Lela (PDT) e Afrânio (PSOL) | Foto Édio Hélio Ramos/CMF/Divulgação

A chapa encabeçada por Katumi havia sido protocolada na última sexta-feira (09), enquanto a formação com Tiago Silva foi composta na abertura da sessão extraordinária desta segunda-feira. No domingo, os integrantes desta segunda chapa esboçaram um encontro, na casa do vereador Lela (PDT), para articular uma composição, porém sem sucesso.

Eleição atraiu a presença da imprensa no Plenário da Câmara | Foto Édio Hélio Ramos/CMF/Divulgação

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?