Rafael Piccoli era um experiente prarticante de bodyboard | Foto Jorge Baggio/Reprodução/Facebook
Rafael Piccoli era um experiente prarticante de bodyboard | Foto Jorge Baggio/Reprodução/Facebook

O surfista de Florianópolis Rafael Piccoli, 28 anos, morreu afogado na praia de Zicatela, em Puerto Escondido, no México, nesta terça-feira (14). Funcionário da Casan, ele estava de férias e, segundo informações preliminares, ele estaria praticando bodyboard quando sofreu um acidente e acabou engolido pelas ondas.

Rafael Piccoli era funcionário da Casan | Foto Reprodução/Facebook

De acordo com informações de surfistas da Capital, o local é um dos mais perigosos do mundo para a prática do esporte. Por conta de uma base continental curta, ondas de mais de 5 metros quebram numa profundidade de aproximadamente 1,5 metro, provocando muita pressão e, consequentemente, muita correnteza para o fundo.

Ainda não há informações confirmadas sobre translado do corpo para Florianópolis, nem data para as cerimônias fúnebres.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?