Guaramirim avançou no que diz respeito à dispensação dos benefícios eventuais do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Desde o início de maio, as famílias que têm direito recebem o benefício Alimentação em forma de cartão e não mais retirando a cesta básica na Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação.

De acordo com a coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Daniela Pereira da Silva, essa novidade garante a autonomia do indivíduo e sua família à aquisição de alimentos necessários.

“Muitas vezes, a família não precisa dos cinco quilos de trigo, por exemplo, mas precisa de frutas. Com a entrega da cesta, ela não poderia escolher apenas o que estava necessitando. Agora, pode ir ao mercado e comprar os itens necessários para a alimentação da família”, enfatiza.

Para o prefeito Luis Antônio Chiodini essa novidade dá mais conforto e liberadade às famílias, mas também serve como incremento para a economia local já que apenas supermercados do município estão credenciados.

“Fico feliz que nosso município tenha avançado mais esse passo pois sabemos como é importante para as famílias e para o comércio local”, afirma.

Além da implantação do cartão alimentação, outros benefícios eventuais são dispensados, são eles: Benefício Natalidade, Auxílio Funeral, passes, passagens, fotos 3x4 e encaminhamentos para a rede de proteção, oriundos dos atendimentos individualizados que a equipe técnica desenvolve nas unidades referenciadas.

Para receber os benefícios, a pessoa deve ter renda per-capta da família inferior ou igual a meio salário mínimo, residir em Guaramirim e passar por avaliação socioeconômica do Serviço Social.

Além dos Benefícios Eventuais, os Centros de Referência de Assistência Social – CRAS, oferecem oficinas de violão, artesanato, grupos, rodas de conversa, atendimentos individuais e outras atividades.

Famílias podem buscar atendimentos nos Cras

As famílias podem procurar atendimentos para os serviços socioassistenciais e benefícios nos equipamentos Cras, Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) e Serviço de Acolhimento Institucional.

Todas as ações têm o intuito de atender e acompanhar em sua integralidade às famílias em situação de vulnerabilidade em Guaramirim. Além desse acolhimento, os Cras oferecem oficinas de violão, artesanato, grupos, rodas de conversa, atendimentos individuais e outras atividades.

  • Cras Central – Rua João Batista Olinger n.51 – Centro (antigo AME). Telefone: 3373-6328
  • Cras Corticeira – Rua Hermínio Stringari n.1297, Corticeira (em frente à Escola José Dequech). Telefone: 3373-8822.
Com informações de assessoria de imprensa.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?