Galera do pedal faz protesto por ciclofaixa apagada ao lado de igreja

Galera do pedal faz protesto por ciclofaixa apagada ao lado de igreja Galera do pedal faz protesto por ciclofaixa apagada ao lado de igreja

Cotidiano

Por: Windson Prado

sexta-feira, 09:41 - 02/02/2018

Windson Prado
Mais de 50 ciclistas promoveram um grande apitaço no início da noite desta sexta-feira (2), no bairro Bucarein, região central de Joinville. O motivo do protesto foi a retirada de parte de uma ciclofaixa instalada recentemente na rua Plácido Olímpio de Oliveira. A ação contou com a participação de dois movimentos de ciclistas da cidade, o Bicicletada e Pedala Joinville. Segundo os manifestantes, a ciclofaixa foi instalada na última semana de dezembro pela Prefeitura de Joinville, e liga a região do 62º BI (Batalhão de Infantaria) ao Parque da Cidade, passando pelos bairro Anita Garibaldi e Bucarein, e em frente à Escola de Ensino Médio Governador Celso Ramos. Mas, há poucos dias, a prefeitura decidiu interromper a ciclofaixa, entre  a avenida Getúlio Vargas e a rua São Paulo, na quadra em que funciona uma igreja evangélica. "Esta ciclofaixa é muito importante. Ela é a primeira grande obra de integração de ciclovias entre bairros de Joinville. Estava tudo perfeito até que a prefeitura simplesmente resolveu apagar a faixa destinada à ciclistas deste trecho para transformá-la em estacionamento. Foi tirado um direito de centenas de ciclista em troca de privilégios de alguns donos de automóveis", lamentava o design Fellipe Giesel, 33 anos, integrante do Bicicletada. O jornalista e fotógrafo Eberson Teodoro, que utiliza a bicicleta como principal meio de transporte também participou da manifestação, e expressou sua indignação nas redes sociais. “Eu acho um absurdo. Primeiro, pela falta de planejamento do poder público. Foram utilizados dinheiro e mão de obra para fazer a pintura, depois gasto novamente para apagar a ciclofaixa. Com podem interromper a ciclofaixa para oferecer estacionamento para os fiéis da igreja? Isso vai contra todas os projetos e ideias de mobilidade urbana. Tem coisa muito errada aí”, comentava o jornalista de 32 anos. Ainda nesta semana, integrantes do Pedala Joinville enviaram um oficio à Prefeitura questionando a desinstalação da faixa no trecho. Uma reunião para discutir a situação deve ser marcada. A assessoria de imprensa da Prefeitura de Joinville confirmou na noite desta sexta-feira que decidiu retirar o trecho da ciclofaixa entre as ruas São Paulo e Getúlio Vargas devido ao fluxo de veículo neste trecho e a necessidade de manter estacionamento.
×