Foto Reprodução
Foto Reprodução

Ieda Silva Prates, 77 anos, morreu na tarde de sábado (18), no Imperial Hospital de Caridade, no Centro, em Florianópolis. Esposa de Luiz Carlos Prates, colunista do jornal "O Correio do Povo" e comentarista do Grupo RIC, ela morreu em decorrência de um câncer no fígado.

O velório ocorreu neste domingo, das 9h às 12h, na Capela Capital em frente ao cemitério do Itacorubi. Após o velório, o corpo foi cremado em Palhoça numa cerimônia para a família.

Uma das três filhas de Ieda, Scheila Maria Prates, lamentou a morte da mãe nas redes sociais.

“Perdi minha mãe hoje, fiquei ao lado até o fim… Meu amor, me ouviu cantar: ‘Você é a razão, da minha felicidade. Não vai dizer que eu não sou, a sua cara metade, por favor, meu amor, vem viver comigo. No seu colo é o meu abrigo’. Te amo pra sempre, Dona Ieda. Que vazio…”.

Scheila disse na noite deste domingo que ainda está encontrando forças para preencher o vazio deixado pela partida de sua mãe.