Com previsão de entrega para setembro de 2018, as obras do elevado entre a BR-280 e a SC-108, em Guaramirim, estão dentro do cronograma. Nos últimos dois meses os serviços se concentraram na terraplanagem dos terrenos onde serão construídas as vias laterais. A etapa serve como base para colocação da camada asfáltica.
A assessoria de imprensa da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Jaraguá do Sul garante que as marginais devem ficar prontas no começo do ano que vem, no mês de fevereiro. Com a conclusão, as duas pistas da BR-280 serão interditadas para edificação do elevado. As equipes de trabalho atuam tanto no trecho anterior ao trevo quanto no posterior.
O setor ainda destaca que a pavimentação feita nas laterais, neste primeiro momento, servirá apenas para torná-las transitáveis. A última camada do asfalto será aplicada no final de toda a construção. As duas marginais serão de mão dupla.
Obras do elevado estão dentro do cronograma | Foto Renan Reitz/OCP
No total, a obra terá 650 metros de extensão, sendo 60 metros apenas no elevado. O viaduto terá 23 metros de largura para duas pistas, em cada sentido, mais os acostamentos. O investimento é do Governo do Estado, por meio do programa Pacto por Santa Catarina, e totaliza R$ 41,2 milhões. Segundo a ADR, todos os recursos estão garantidos. Ainda conforme a assessoria de imprensa, apenas um imóvel deverá ser desapropriado para a obra e o processo está em andamento. O valor da indenização não foi divulgado.
Encaixes na rodovia, com terra armada, faixas multiuso e rotatória sob o elevado também fazem parte do projeto, que deve melhorar em mais de 50% o fluxo do trânsito na região, principalmente nos horários de pico, segundo estimativa do Estado.
Para o prefeito de Guaramirim, Luís Antônio Chiodini, as obras do elevado ainda não causaram agravamento no trânsito do trecho, avaliando que os congestionamentos estão ocorrendo nos mesmos horários e proporções. A maior preocupação, segundo ele, é sobre os riscos de acidentes com a entrada e saída de veículos grandes nos pontos de obra.
“A empresa está fiscalizando, mas é preciso ter cuidado para garantir a segurança dos motoristas e trabalhadores. Se as obras seguirem no ritmo que estão, acredito que o elevado será entregue dentro do prazo”, acredita o prefeito.
A estrutura poderá ser utilizada para motoristas que transitam entre Guaramirim, Massaranduba, Jaraguá do Sul, Blumenau, Joinville e outros vizinhos. A empresa licitada para a obra foi a Consórcio Infrasul, Coneville e Setor Sul, de Joinville.