O olhar de adolescentes de 14 e 15 anos, integrantes Programa Eco Cidadão de 2017, sobre a situação ambiental do planeta, está expresso na exposição O Planeta e a Vida Pedem Socorro, instalada no saguão da Secretaria de Assistência Social (SAS), a partir desta terça-feira (14) até o dia 30 de novembro. As 15 pinturas em tela são recriações enfatizando o impacto negativo e a degradação do meio ambiente que são gerados pela intervenção urbana. “Para os desenhos e pinturas, os alunos das três turmas trabalharam em grupo, começando por pesquisas na internet, que são citadas como fonte da inspiração”, explicou Ana Aparecida Pereira, coordenadora do programa. Elizabeth Cristina Tomazoni, 15 anos, considerou um desafio trabalhar em conjunto com as tintas, mas gostou especialmente da parte do desenho. “Como quero ser desenhista foi muito legal e serve como incentivo. Também aprendi sobre lixo orgânico e gostei bastante”, disse Elizabeth. Os integrantes do Eco Cidadão também concluíram três maquetes demonstrando a cidade dos sonhos, que equipamentos gostariam de ter nos espaços públicos e no bairro, além de escreverem sobre as expectativas individuais para o futuro. As maquetes foram elaboradas na modalidade de Oficinas Estéticas, em atividade coordenada pelas estagiárias de psicologia da Associação Catarinense de Ensino (ACE), Jaqueline Maria e Mariane Vanzuita, em estágio supervisionado pelo professor Alan Henrique Gomes. Lucas Gabriel, de 14 anos, gostou especialmente de trabalhar com materiais reciclados. “No meu sonho, escrevi que desejo uma cidade com mais segurança e escolaridade”, destacou. A formatura dos participantes do Eco Cidadão de 2017 será no dia 7 de dezembro de 2017, na SAS. *Com informações da Prefeitura de Joinville