O Juventus recém-completou dois meses da reestreia na Série A do Campeonato Catarinense após seis anos.

Com a classificação às quartas de final e a vaga garantida na Série D do Campeonato Brasileiro de 2021, o Moleque Travesso conquistou seus principais objetivos no Estadual, paralisado ao final da primeira fase pela pandemia do coronavírus.

No período, sem considerar os jogos-treinos da pré-temporada, o Tricolor apresentou uma campanha de 40,7%.

Os números do Juventus em 2020

  • 9 jogos
  • 3 vitórias
  • 2 empates
  • 4 derrotas
  • 10 gols marcados
  • 10 gols sofridos
  • 26 cartões amarelos
  • 1 cartão vermelho

Em relação ao elenco, o técnico Jorginho sofreu com muitas baixas de atletas, principalmente por conta de lesão, ele precisou utilizar 28 jogadores diferentes e não conseguiu repetir nenhuma formação nas nove partidas disputadas na temporada.

Dos 28, três participaram de todos os jogos: o lateral Luiz Henrique, o zagueiro Felipe Gregório e o meia Marllon. Desses, Luiz Henrique e Marllon foram titulares em todos, enquanto Felipe Gregório foi escalado desde o início em oito.

Felipe Gregório substituiu o lesionado Doni durante o jogo de estreia do Estadual contra o Figueirense e não saiu mais do time | Foto Lucas Pavin/Avante! Esportes

Rogélio e Ronald aparecem logo depois, com oito aparições no time. Já entre os reservas, o atacante João Vitor foi o atleta que mais vezes saiu do banco para entrar em sete partidas.

A artilharia, por sua vez, tem Marllon na liderança isolada, com três gols marcados. Logo atrás, vem Fabinho e Itinga, com dois tentos, um a mais que Denner, Mikael e Túlio Renan, os outros marcadores da equipe no Catarinense.

Jogadores utilizados pelo Juventus em 2020

  • Luiz Henrique (lateral): 9 partidas
  • Felipe Gregório (zagueiro): 9 partidas
  • Marllon (meia): 9 partidas
  • Rogélio (zagueiro): 8 partidas
  • Ronald (volante): 8 partidas
  • Denner (meia/atacante): 7 partidas
  • Fabinho (atacante): 7 partidas
  • Itinga (atacante): 7 partidas
  • João Vitor (atacante): 7 partidas
  • Assis (goleiro): 6 partidas
  • Maninho (lateral): 5 partidas
  • Marcos Moser (lateral): 5 partidas
  • Mikael (volante): 5 partidas
  • Hildo (volante): 4 partidas
  • Túlio Renan (atacante): 4 partidas
  • Juliano Levak (atacante): 4 partidas
  • Pablo (atacante): 4 partidas
  • Régis (meia/atacante): 3 partidas
  • Hudson Jr. (goleiro): 2 partidas
  • Sampson (volante): 2 partidas
  • Doni (zagueiro): 2 partidas
  • Rafael Zuchi (zagueiro): 2 partidas
  • Lucas Gadelha (atacante): 2 partidas
  • Anderson Pico (lateral): 1 partida
  • Kendy (atacante): 1 partida
  • Guilherme (volante): 1 partida
  • Marcos Vinícius (atacante): 1 partida
  • Silva (goleiro): 1 partida

Em virtude do coronavírus, o Juventus segue sem atividades no estádio João Marcatto e ainda não há previsão para o retorno do Estadual.

Caso a bola volte a rolar, o clube de Jaraguá do Sul irá enfrentar o Figueirense nas quartas de final.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger