Com a paralisação das atividades esportivas por conta da pandemia do novo coronavírus, a Liga Nacional de Futsal (LNF) realizou uma reunião por videoconferência com os representantes dos 21 clubes para tratar sobre o futuro da competição.

A organização ainda busca alternativas e não tem uma definição concreta sobre o início do torneio.

Porém, trabalha com três hipóteses: a mais otimista para começar em junho, uma intermediária em julho e a mais pessimista para bola rolar em agosto.

A ideia inicial é fazer os jogos com público, já que a receita com bilheteria é fundamental aos clubes.

Outro assunto levantado na conversa realizada na noite de segunda-feira (20) foi o formato de disputa da competição.

Com o calendário prejudicado pela pandemia, a LNF pode deixar de ser disputado em pontos corridos na primeira fase, sendo formado dois grupos, um com 10 integrantes e outro com 11, ou até três chaves com sete equipes cada.

No entanto, todas essas questões voltarão a ser discutidas pela organização e clubes, antes da largada da Liga Nacional, inicialmente marcada entre os dias 27 de março e 4 de abril.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger