Torcedores do Brasil de Pelotas agrediu e expulsou um homem do estádio Bento Freitas por exibir tatuagens que remetem ao nazismo, como uma Cruz de Ferro e os dizeres “Mein Kampf”, título em alemão do livro “Minha Luta”, de Adolf Hitler.

O caso aconteceu no último domingo (13) durante o jogo contra o Novo Hamburgo, pelo Campeonato Gaúcho.

Foto: Reprodução Rede Social

Segundo a assessoria do clube, o homem foi retirado por ação dos demais torcedores e precisou ser escoltado para fora do estádio pela segurança local. A identidade do homem não foi divulgada.

“Graças a gerações de xavantes que ao longo de 110 anos nos trouxeram até aqui, o Brasil tem na própria história um instrumento contra qualquer discurso ou ato de discriminação”, publicou o Brasil de Pelotas nas redes sociais.

“É por essa consciência histórica que aqueles, que se sentem representados pelos discursos de ódio infelizmente cada vez mais comuns, são e sempre serão repelidos da Baixada. Quem diz isso não é só o clube, como instituição. É a nossa torcida, que sabe reconhecer ao longe quem não tem dignidade para se dizer Xavante”, completou.