A quinta-feira (24) foi de sentimentos completamente distintos para duas das maiores campeãs mundiais de futebol.

Diante de quase 70 mil torcedores, o Brasil derrotou o Chile por 4 a 0, pela 17ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, no Maracanã. A partida foi a última da seleção em casa, antes da Copa do Mundo no Catar, onde vai buscar o hexacampeonato.

Com este triunfo, a equipe comandada pelo técnico Tite manteve a escrita de não sofrer derrotas como mandante em jogos das Eliminatórias (em 62 jogos em casa pela competição, o Brasil venceu 50 e empatou 12).

Além disso, com os três pontos a seleção chegou ao total de 42, com sete de vantagem sobre a segunda colocada Argentina, que enfrenta a Venezuela nesta sexta-feira (25).

O Brasil volta a entrar em campo na próxima terça-feira (29), quando visita a Bolívia, em La Paz, pela última rodada.

Itália eliminada

Tetracampeã mundial, a Itália está mais uma vez fora da Copa do Mundo após perder de 1 a 0 em casa para a Macedônia do Norte, pela semifinal da repescagem das Eliminatórias Europeias.

Foto: Reuters/Guglielmo Mangiapane

Um gol de Aleksandar Trajkovski nos últimos minutos garantiu aos visitantes uma enorme vitória, enquanto os italianos tiveram 32 finalizações na partida, mas não conseguiram marcar.

A Macedônia do Norte agora enfrentará Portugal na final da sua chave da repescagem na próxima semana por um lugar na Copa do Mundo.

*Com informações de Agência Brasil