Foto Divulgação/CMJS
Foto Divulgação/CMJS

O governo não quis dar sorte ao azar e garantiu a eleição de Marcelindo Gruner (PTB) à presidência da Câmara tirando os suplentes Jackson Ávila e Jaime Negherbon e dando posse aos titulares Natália Petry e Rogério Jung – todos do MDB.

Com isso, o placar ficou em oito votos para Gruner contra três para Ademar Winter (dados por Winter, Arlindo Rincos e Ronaldo Magal).

Na verdade, Negherbon nunca levantou suspeitas de que poderia romper o acordo firmado ainda em dezembro de 2016 – e que deve garantir ao governo um mar tranquilo até o encerrar de 2020. A traição, em tese, poderia vir de Jackson Ávila.

O fato é que ninguém quis pagar pra ver se os comentários nos bastidores, de que uma jogada ensaiada pela oposição poderia dar o comando a um dos tucanos, Ademar Winter e Dico Moser, eram verdadeiros.

A articulação dos governistas deixou a oposição visivelmente irritada. Na tribuna, Rincos e Winter reclamaram da situação. Foram ingênuos de imaginar que governo ficaria de braços cruzados correndo o risco de perder o comando da Casa.

Marcelindo Gruner foi o líder do governo Antídio Lunelli durante a fase mais difícil, o primeiro ano de reformas e cortes.

Segurou a onda, ficou desgastado de um lado, mas fortalecido de outro. Mostrou até aqui que não tem medo de divididas e polêmicas e assim é de se esperar que promova algumas mudanças na Casa.

A vice-presidência ficou com Celestinho Klinkosky e a primeira secretaria com Dico Moser.

Novidades no secretariado

O prefeito Antídio Lunelli deixou para o início de 2019 as mudanças no secretariado e outros cargos de diretoria.

Um nome que deve compor o governo a partir de fevereiro é o do vereador de Corupá e atual secretário executivo da ADR, Alceu Moretti.

Até breve

Buscar todos os dias ser uma pessoa melhor. É esse o meu pedido pessoal para o ano que vem chegando e é esse o voto que eu deixo também a todos vocês.

Essa é a última coluna de 2018, mas em 2019, estarei aqui outra vez desvendando as informações sobre a política regional e estadual.

Um até breve, um bom descanso e meu muito obrigada pela companhia.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?