O candidato a vice-governador Eron Giordani (PSD) na chapa de Gean Loureiro (União Brasil) foi um dos convidados do jantar de aniversário do presidente da Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul Jair Pedri (PSD) que aconteceu na noite de quinta-feira (4) no Clube Acaraí.

Giordini, saiu da agenda que fazia em Rio do Sul com Loureiro e o candidato ao Senado Raimundo Colombo (PSD) para vir à comemoração de Pedri, que além de companheiro de partido, também tem uma relação de amizade desde a época que Pedri trabalhava na Alesc e Giordini era chefe de gabinete do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Julio Garcia (PSD).

Outras persolidades políticas de peso também estiveram presentes na comemoração dentre estas: o prefeito Jair Franzner, o deputado federal Carlos Chiodini, o ex-prefeito Antídio Lunelli - canditato a deputado estadual, ambos do MDB, o deputado estadual Vicente Caropreso (PSDB) e o deputado federal Darci de Matos (PSD).

Em conversa com a Coluna, antes de ir ao jantar de Pedri, Eron disse que a decisão de formar a chapa União Brasil, PSD e Patriotas ocorreu com 50 dias de antecedência. “Foi uma construção madura e que permitiu que pudéssemos sair dos ambientes intrapartidários e isso nos permitiu rodar todas as regiões do Estado, entendendo todas as dificuldades de cada região e nos antecipando nas soluções para estas demandas”.

Segundo Eron, a agenda da campanha vai se intensificar daqui para frente, inclusive em Jaraguá onde representantes da chapa já estiveram há três semanas e devem retornar. Ao ser questionado sobre as propostas de campanha, ele destacou principalmente as ações para saúde e infraestrutura. Enfatizou a fila de 106 mil pessoas à espera por cirurgias eletivas.

Outro ponto destacado por Eron foi a infraestrutura citando o principalmente as rodovias estaduais de Norte a Sul do Estado, destacou como exemplo a SC-108, entre Guaramirim e Massaranduba que está em sua terceira licitação. Integrante do governo Moisés por 15 meses (até março deste ano), Eron se considera um dos responsáveis pela criação do Plano 1000 lançado pelo governo este ano e que na opinião não é de um governo, mas sim do Estado. “Recurso não tem inventário, não tem dono. Queremos manter esse programa, mas que seja executado de forma eficiente”, frisou.

Aniversário de Jair Pedri (C) contou com políticos importantes como Lunelli, Franzner, Chiodini, Giordini e Matos | Foto: Fabio Junkes

Bombeiros

Os vereadores de Jaraguá do Sul aprovaram, na sessão de quinta-feira (4) projeto de lei que autoriza o Executivo a repassar R$ 1,3 milhão aos Bombeiros Voluntários do município. A verba vai ajudar a instituição a reativar o atendimento em suas subsedes nos bairros Nereu Ramos e João Pessoa, além de aumentar o horário de funcionamento na subsede da Barra do Rio Cerro, que deverá atender 24 horas por dia durante todos os dias do ano. O projeto de lei foi aprovado por unanimidade e enviado ao Executivo para sanção.

Serviço

Até o momento, a unidade dos bombeiros em Nereu Ramos só atuava com o Serviço de Atendimento Móvel (Samu) e a que fica no João Pessoa funcionava como espaço de treinamento para novos integrantes da corporação. A ideia agora é que esses núcleos também possam oferecer todos os serviços prestados pela entidade. A unidade de Nereu Ramos deixou de atender as atividades dos bombeiros por volta do ano de 2015. O vereador Osmair Gadotti (MDB) lembrou que, desde o ano passado, ele e os demais parlamentares vêm pleiteando essa mudança. “Estamos dando um passo a mais na segurança, na saúde e na vida das pessoas”, ressaltou.